• PDF
  • Imprimir
  • E-mail

A importância da gestão dos custos para o setor varejista de vestuarios: estudo de caso no município de Teófilo Otoni, MG.

Projetos

Orientador: Kenia Fabiana Cota Mendonça
Orientando: Uilcleides Braga da Silva
Período: Março/2010 a Fevereiro/2011
Status: Andamento

Resumo: A partir do século XIX, observa-se que a gestão dos custos tem ganhado destaque nas organizações comerciais, industriais e prestadoras de serviços. Esse destaque pode ser justificado pelos avanços tecnológicos, melhorias na comunicação e transporte, abertura dos mercados acirrando ainda mais a competitividade entre organizações, mudanças nos sistemas de produção, dentre outras. A gestão dos custos é parte integrante do grande sistema de informação contábil e consiste em uma ferramenta de auxílio aos tomadores de decisão, assumindo a posição de staff dentro da organização, pois é responsável em prover informações a toda a estrutura organizacional. É, principalmente, por meio do registro, controle, mensuração e avaliação dos gastos que os analistas de custos são capazes de munir de informações oportunas e tempestivas os gestores da organização, sendo uma das ferramentas utilizadas por estes especialistas para gestão dos custos os métodos de custeio. Os métodos de custeio determinam como o objeto de custeio será valorado, e, os mais utilizados e/ou estudados são: Absorção, ABC, Variável, Pleno, Alvo e Padrão. No município de Teófilo Otoni o comércio varejista ocupa uma posição dominante no ranking econômico - 60% das atividades empresariais. Contudo, observa-se que os comerciantes do município utilizam-se muito pouco das informações geradas pela contabilidade de custos, muitas vezes por falta de conhecimento de quais informações poderiam ser disponibilizadas ou de como utilizá-las na tomadas de decisões. Diante disto, o objetivo desta pesquisa é verificar como é praticada a gestão de custos pelos comerciantes varejistas de vestuários do município de Teófilo Otoni, MG; mais especificamente, identificar quais são os critérios de avaliação/controle dos estoques adotados; identificar os métodos de custeio utilizados; identificar como são utilizadas as informações geradas pela Contabilidade de Custos pelos gestores do comércio varejista de vestuários; e, por fim, identificar, por meio da comparação entre os gestores que utilizam e os que não utilizam as informações fornecidas pela Contabilidade de Custos, o impacto dessas informações nos resultados. Para tanto, será realizado um estudo de caso no município de Teófilo Otoni, Minas Gerais.  Será utilizada uma combinação de pesquisa quantitativa e qualitativa, com realização de entrevistas com os gestores do comércio varejista, utilizando-se roteiro padronizado contendo perguntas objetivas e subjetivas como pressupostos metodológicos.

 

Última atualização em Qui, 27 de Maio de 2010 18:59