A Rádio Universitária inova mais uma vez! Agora você também pode curtir a programação da 99,7 FM através do giro planetário do site Rádio Garden. Conheça essa nova forma de acesso e ouça a Rádio Universitária 99,7! É a UFVJM na frequência do saber!



Vestibular

Evento será realizado amanhã (12), no Mercado Velho, em Diamantina

Para o fechamento da primeira disciplina ofertada no âmbito do Encontro de Saberes na UFVJM, a comissão vai realizar um evento na próxima quinta (12), das 9h às 17h. A programação conta com roda de diálogo, feirinha de produtos artesanais, farmacinha popular, entre outras atividades.

Confira a programação completa e os apoiadores do evento no cartaz do evento, neste link.

A disciplina foi ministrada no Programa de Pós-Graduação Saúde, Sociedade e Ambiente (SASA/UFVJM) e  contou com a presença de mestres da tradição. Foram três módulos no tempo universidade e mais um no tempo comunidade, que contou com uma visita à Farmacinha Popular em Olhos D´Água e uma vivência de dois dias na Aldeia Cinta Vermelha Jundiba, em Araçuaí.

A professora Ana Flávia Figueiredo, da Comissão Encontro de Saberes na UFVJM, conta quais foram os módulos ofertados com a participação dos mestres da tradição:

“Mestre Dalci José de Carvalho e Mestra Maria do Rosário Ramos ministraram o módulo Artes da Cura: plantas medicinais, saberes e técnicas de cura. “”Seu”” Dalci é membro histórico da Articulação Pacari e da Rede Cerrado. É também um dos autores do livro Farmacopeia Popular do Cerrado (2009) e do Protocolo Comunitário Biocultural das Raizeiras do Cerrado: direito consuetudinário de praticar a medicina tradicional (2014). Dona Maria do Rosário é agricultora, raizeira e guardiã de sementes, que dedica sua vida ao cuidado de várias famílias. Atualmente é uma das principais gestoras da Farmácia Popular de Remédios Caseiros da comunidade Olhos D’Água.

Mestra Gesilene Braz da Conceição (liderança Pataxó) e Mestra Maria Aparecida da Conceição de Matos (liderança Pankararu) da Aldeia Cinta Vermelha Jundiba, Araçuaí, detentoras de saberes ancestrais que estruturam a vida de suas comunidades e importantes referências na luta histórica em defesa de seus territórios e dos direitos dos povos indígenas no Brasil, ministraram o segundo módulo: Artes da Cura: ancestralidade, território e saúde indígena.

A Mestra Maria da Conceição Carvalho, experiente e sábia parteira de Chapada do Norte, MG, e sua neta e aprendiz Eliane Aparecida ministraram o módulo: Artes da Cura: saberes ancestrais. O parto como acolhimento da vida. Trocaram conosco saberes sobre parto, parteiras, o cuidado com o acolhimento da vida, o cuidado com a mãe, as responsabilidades e o papel de “”estar junto, estar junto, estar junto”” e a arte de nascer”, finaliza Ana Flávia.

Last Updated on Wednesday, 11 December 2019 10:15
 

 

Neste ano de 2019, o Instituto de Ciência, Engenharia e Tecnologia (Icet), do Campus do Mucuri, na cidade de Teófilo Otoni, completou dez anos de existência. Para marcar a data, será realizado um evento nesta quarta-feira (11/12), às 15h, no auditório do Icet. Um dos objetivos do evento é divulgar a história do Icet e a participação de muitas pessoas nessa trajetória, que já trouxe muitos frutos, especialmente para a cidade de Teófilo Otoni e região.

Na programação, além de apresentação de dados sobre o Icet, também espaço para relatos de ex-alunos e representante da comunidade externa. O evento é aberto para a participação de toda a comunidade.

Confira a programação completa:

15h: Apresentação artística da Orquesta SESC – Maestro Ryccel

15h30: Formação de mesa com autoridades

15h50: Apresentação de dados do Icet – diretor Jairo Lisboa Rodrigues

16h: Apresentação de relatos dos egressos do Icet-UFVJM

16h15: Apresentação de relato de membro da sociedade sobre o Icet-UFVJM – Alice Lorentz Godinho

16h30: Música: Lindemberg e Ana Paula

16h45: Coffee Break e Encerramento

Conheça o Icet: http://site.ufvjm.edu.br/icet/

Last Updated on Tuesday, 10 December 2019 17:52
 

Evento será realizado no próximo sábado (14)

Neste sábado (14/12), acontece o último evento do ano de 2019 do Ciclo de Diálogos Literatura e Feminismos. Os encontros do Ciclo de Diálogos são promovidos pelo Grupo de Estudos em Literatura, Arte e Cultura e realizados às 15h, no Museu do Diamante/Ibram, em Diamantina.

Confira a programação no cartaz:

O cartaz traz na parte superior direita uma figura que aparenta representar um planeta, colorido em cinza, sobreposto por seu satélite natural, colorido em verde claro e de tamanho muito inferior em relação ao planeta. Os cantos superior esquerdo e centro são ocupados pela seguinte frase, em cor verde claro: 'Grupo de estudos em Literatura: Arte e cultura apresenta:', em seguida, logo abaixo, em roxo, o título do evento: 'I ciclo de diálogos literatura e feminismos'. 
No centro do cartaz, encontram-se a seguinte informação, em negrito e verde: '8ª edição', e logo abaixo, duas elipses, lado a lado, com bordas verdes e interior preenchido com roxo e dizeres em preto. Na elipse da esquerda encontram-se os dizeres: 'Luísa Godoy apresenta:', com o título da apresentação abaixo, fora da elipse, 'Corpo celeste e vídeo poemas'. Na elipse da direita encontram-se os dizeres: 'Conceição Bento apresenta:', seguidos logo abaixo, já fora da elipse, pelo título da outra apresentação: 'Marocas, Conceição e Genoveva: três personagens de Machado de Assis'.  Ainda na região central do cartaz, porém mais abaixo das informações anteriores, a data e horário do evento são mostrados, em preto, e logo abaixo o endereço do local onde será realizado, em roxo.
Já na região inferior do cartaz, do lado esquerdo se encontra o QR Code com o título 'Inscreva-se!!', colorido em roxo. Do lado direito, os dizeres: 'Entrada gratuita', em verde, 'Certificado, coffee break, sorteio de livros', em roxo. Na última linha do cartaz, os apoiadores são representados por suas logos. São eles: 'Grupo de estudos em literatura, arte e cultura, Proexc, Letras UFVJM, PPGCH, Diamantina Cultural, Espaço B, UFVJM, Ibram, CNPq, Ministério da Cidadania, Governo Federal'. Por último, o e-mail do organizador: 'contato: 
 <script language='JavaScript' type='text/javascript'>
 <!--
 var prefix = 'mailto:';
 var suffix = '';
 var attribs = '';
 var path = 'hr' + 'ef' + '=';
 var addy11861 = 'lacgrupodeestudos' + '@';
 addy11861 = addy11861 + 'gmail' + '.' + 'com';
 document.write( '<a ' + path + '\'' + prefix + addy11861 + suffix + '\'' + attribs + '>' );
 document.write( addy11861 );
 document.write( '<\/a>' );
 //-->
 </script><script language='JavaScript' type='text/javascript'>
 <!--
 document.write( '<span style=\'display: none;\'>' );
 //-->
 </script>This e-mail address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it
 <script language='JavaScript' type='text/javascript'>
 <!--
 document.write( '</' );
 document.write( 'span>' );
 //-->
 </script>'.

 

De acordo com a professora Fernanda Valim, coordenadora do projeto, “a criação do Ciclo de Diálogos Literatura e Feminismos foi motivada pela necessidade de criação de espaços de acolhimento, resistência e diálogo com pessoas interessadas nos temas da literatura de autoria de mulheres e nos debates sobre a crítica feminista mais recente, em um momento histórico em que o conservadorismo e o autoritarismo ameaçam as práticas democráticas e desestabilizam a seriedade de nosso trabalho como educadores”.

“Em nome de todo o grupo, agradeço a todos que se fizeram presentes nos encontros ao longo deste ano, partilhando de seu tempo, seu trabalho, seus conhecimentos, sua disposição e energia para seguirmos em frente. Como temos dito, o diálogo é sempre solidário. Esperamos vocês para esta última edição do ano, na expectativa de seguirmos com o projeto em 2020, nos aproximando de novas parcerias e novas utopias”, finaliza Fernanda.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site: https://www.sglab.com.br/evento/i-ciclo-de-dialogos-literatura-e-feminismos--oitava-edicao/19/.

Para mais informações, os interessados podem entrar em contato pelo e-mail This e-mail address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it .

Last Updated on Tuesday, 10 December 2019 11:28
 

Campanha de Recolhimento de Lixo Eletrônico realizou primeira doação no último dia 2 para instituições e projetos sociais

A semana passada foi marcada pela primeira rodada de doação de equipamentos de informática do Projeto de Extensão Transformando Computadores e Vidas (TCV). No dia 2/12 foram doados nove computadores para instituições e projetos sociais. Os equipamentos doados são fruto da primeira Campanha de Recolhimento de Lixo Eletrônico realizada pelo projeto em setembro deste ano na cidade de Teófilo Otoni. Durante a ação, o projeto recebeu equipamentos considerados como lixo eletrônico pela população, para trabalhar na recuperação dos que ainda estavam funcionando e destinação correta dos resíduos daqueles que fossem avaliados como sem utilidade.

As instituições e projetos beneficiados com os computadores foram: Associação Aprender a Produzir Juntos (3), Internato Rural (2), Instituto Cultural In-Cena (1) e Projeto Mulher Livre de Violência (2). Um dos computadores recuperados ficou para uso do próprio Projeto TCV. O coordenador do projeto, Cristiano Figueiredo, disse que, dos 9 equipamentos doados, cinco computadores receberam um kit completo, contendo monitor, teclado, mouse, estabilizador e cabos de força.

De acordo com Cristiano, esses computadores recebidos durante a Campanha de Recolhimento de Lixo Eletrônico foram recondicionados com a ajuda dos alunos do Projeto TCV, sendo necessárias 140 horas de trabalho para chegar nesse resultado. “Prestar contas à sociedade sobre o resultado da campanha é muito importante, já que os resíduos coletados serão reaproveitados, deixando assim de serem lançados no lixo comum. Esperamos que os computadores e demais acessórios sejam úteis às instituições e projetos contemplados nessa ação”, destaca.

A previsão é que o projeto TCV realize novas doações a partir da recuperação dos objetos recolhidos durante a campanha. “Outra rodada de doações está planejada, à medida que o processamento do material for avançando e forem identificados equipamentos ainda em funcionamento, que serão usados na montagem de novos computadores”, afirma Cristiano.

Representantes de instituições e projetos recebem computadores doados pelo projeto Transformando Computadores e Vidas (foto: Divulgação projeto Transformando Computadores e Vidas)

 

Resultados da Campanha

Ao todo, foram coletados 160 kg de pilhas e baterias, diversos celulares, tabletes, acessórios, além de inúmeros equipamentos de informática. Segundo o coordenador do projeto TCV e da campanha, os celulares e as pilhas e baterias já receberam destinação adequada. “Em tese, todo esse material iria parar no lixo comum, visto que a cidade não conta com uma rede de recolhimento desse tipo de resíduo”, lembra.

O projeto

Transformando Computadores e Vidas é uma iniciativa do Grupo de Pesquisa e Estudos em Administração Pública da Educação a Distância (GPEAP) da UFVJM, no Campus do Mucuri. O projeto foi institucionalizado em junho de 2018, sendo registrado na Pró-Reitoria de Extensão e Cultura. O principal objetivo do projeto é promover a diminuição da geração de lixo eletrônico em Teófilo Otoni; a capacitação técnica de jovens da comunidade local; e a doação de equipamentos recondicionados a entidades sociais do município de Teófilo Otoni/MG.

Hoje, além de professores e técnicos administrativos da UFVJM, o projeto também conta com a participação de duas alunas do curso de Ciências Contábeis, atuando como tutoras.

Conheça mais sobre o projeto aqui.

 

 


Page 1 of 998

 

Campus I - Diamantina/MG
Rua da Glória, nº 187 - Centro - CEP 39100-000
Telefones: +55 (38) 3532-6024
Campus JK - Diamantina/MG
Rodovia MGT 367 - Km 583, nº 5.000
Alto da Jacuba CEP 39100-000
Telefone: +55 (38) 3532-1200 e (38) 3532-6800
Campus do Mucuri - Teófilo Otoni/MG
Rua do Cruzeiro, nº 01 - Jardim São Paulo - CEP 39803-371
Telefone: +55 (33) 3529-2700
Campus Janaúba - Janaúba/MG
Avenida Um, nº 4.050
Cidade Universitária CEP 39447-790
Telefone: +55 (38) 3532-6812 e (38) 3532-6808
Campus Unaí - Unaí/MG
Avenida Universitária, nº 1.000, B
Universitários CEP 38610-000
Telefone: +55 (31) 3677-9950